Inovação Cidadã | O poder das redes de informação - Inovação Cidadã

O poder das redes de informação

Posted in - Cidadania & Inovação Cidadã @pt-pt & Redes digitais @pt-pt en Feb 6, 2014 0 Comments

Reproduzido do Observatório da Imprensa, 28/1/2014;

Por: Sergio Amadeu da Silveira

Prefácio de A Onda Rosa-Choque – reflexões sobre redes, cultura e política contemporânea, de Rodrigo Savazoni, Editora Azougue, Rio de Janeiro, 2013 

 

A Onda Rosa-Choque é um esforço de reflexão sobre a amplitude e a intensidade política que a cultura digital pode liberar na sociedade brasileira. Trata-se de um conjunto de análises do potencial transformador do compartilhamento de produtos e bens culturais a partir das redes de informação. Mas, os textos aqui reunidos não se limitam as tentativas de pensar o presente, eles querem disputar os caminhos para o futuro.

Enquanto escrevo este prefácio, mobilizações explodem neste Brasil de junho de 2013, como se inspiradas na lógica do hackativismo. Sem grandes líderes, sem carros de som, organizadas por microarticuladores, com o apoio de coletivos culturais, radicais, ambientais, nerds, hackers, rappers, jovens da periferia, entre tantos outros mobilizadores, os protestos desafiam a compreensão daqueles que debochavam dos “militantes de sofá”, “agitadores do Twitter”. Pois então, estamos assistindo a um movimento distribuído em que os “sofás” desceram para as ruas.

Os textos escritos pelo produtor cultural, pesquisador e ativista Rodrigo Savazoni fazem parte da antessala dessa emergência das redes e da tomada das ruas que tanta falta fazia ao país. A onda rosa choque contra o poder careta, verticalizado, excessivamente burocratizado, tecnocrático, insensível e opaco parece estar ocorrendo agora, com novas cores além do azul e vermelho, bem mais misturadas, remixadas com as diversas tonalidade ideológicas que assumiram as ruas.

Hora boa

Savazoni já perguntava em suas reflexões sobre o que estaria em debate: “Centralização contra descentralização? Formas de ação espontâneas ou organizadas? Ações emergentes, construídas de baixo para cima, ou ações de impacto, construídas clandestinamente e compartilhadas de cima abaixo?” De certo modo, tudo está em disputa. O processo é tão importante quanto suas finalidades. Se os ativistas pela radicalização da democracia não se dispersarem nas redes distribuídas e não se envolverem na intensa conversação das plataformas de relacionamento, poderemos ver a onda rosa se quebrar diante de ondas conservadoras.

Esperamos que o contágio da ética hacker, dos coletivos libertários, das ocupações, dos festivais de cultura digital, dos pontos de cultura, sejam superiores em encantamento e convencimento social do que o reacionarismo dos novos capitães do mato, da criminalização do compartilhamento de arquivos digitais e dos downloads, dos colonizadores genéticos, dos fundamentalistas contrários a diversidade cultural, religiosa, étnica e de orientação sexual.

As multidões estão ativas. Redes de opinião enfrentam outras redes de opinião. A bipolaridade se desfaz em meio aos múltiplos conflitos. Agora, é bem evidente que poder comunicacional cada vez mais está na capacidade de formar e reconfigurar redes, como bem relatou o sociólogo Manuel Castells. Os textos que Rodrigo Savazoni discutem de modo instigante esse cenário. São escritos mais otimistas que cautelosos. Também por isso, este livro vem em boa hora. Certamente, é fruto da emergência dos movimentos interconectados e da experiência efetiva de Rodrigo, principalmente na Casa de Cultura Digital. É uma tentativa de influenciar e destacar que os ciberviventes precisam hipertrofiar a biopolítica das modulações proibicionistas; mais do que o “do-in antropológico” do Juca-Gil, é preciso estimular o hackeamento, a inversão, a ocupação e outras linhas de fuga.

….

Leia o livro completo “A Onda Rosa-Choque – reflexões sobre redes, cultura e política contemporânea” de Rodrigo Savazoni

email

This post is also available in: ES

Please leave a Comment

Blue Captcha Image
Refresh

*

Uso de cookies

Utilizamos cookies propias y de terceros para realizar análisis de uso y medición de nuestra web para poder mejorar nuestros servicios. Si continua navegando, consideramos que acepta su uso. Puede cambiar la configuración u obtener más información aquí.

ACEPTAR
Aviso de cookies